Escorpião, o meu eu, não é puro!


Hoje, eu entendi de fato, o que a Vera Romana​ quis dizer, qd ela fez o meu mapa astral.. “Monica, vc tem a opção de ser um escorpião Cobra, ou um  Águia”.. eu levei ao pé da letra.. Hoje navegando por um blog, eu li isso (Panorama Astrológico):
“1 -Escorpião Serpente: Entra no vício, crueldade, tem sempre um veneno pronto, medíocre, amargurado, vingativo, se alimenta de pessoas fracas, ácido, destrutivo, atraído pelo perigo, provocante, lascivo, curiosidade superficial, torturador, entra na lama, sádico, promíscuo, necessidade manipular.
2 – Escorpião Escorpião: Ora são capazes de grandes gestos, ora sutilmente sabotadores. Não revela seus objetivos até a hora adequada, atraente, se suja e sai limpo, e se não transforma, elimina; percebe a essência das coisas e vai até o centro da questão.
3 – Escorpião Águia: Percepção aguda das emoções e que tentam transformá-las e direcioná-las. São regeneradores, curadores, ultrapassa obstáculos, magnéticos, passa pelo fogo e renasce, transcendeu seus desejos, espiritualizou-se.”

Então, que tipo de escorpião eu sou?

Eu  oscilo entre Escorpião e Águia.. Talvez por conta de meu ascendente (Sagitário), eu perca muito das caracteristicas do meu signo, que eu tanto me orgulho e me torne mais aventureira, impulsiva, libertária…

Quem sabe, eu seja uma Fenix, que queima, vira cinzas e volta, transformada,  alçando novos vôos?

Não foi a toa, que quando, há muitos anos atrás, resolvi trabalhar como web designer, criei uma Home Page, que se chamava Realce e o logo era esse.:

eu-escorpiao

Realce Designer, meu primeiro logo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *